quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Lindo!


video

Um pedacinho do mar


Eram lindas, deixadas por ali
vivas, foram outrora moradas
mas agora, vazias, sem vida
pelo mar eram banhadas.
Ali, na areia molhada
um aglomerado de conchas sem fim
que a areia escondia e o mar destapava
pareciam sorrir para mim.
Apanhei uma, apanhei outra
umas grandes, outras pequenas
caminhando, olhando, procurava
na concha da mão as guardava.
O mar com elas brincava
e eu só podia fantasiar
que na mão trazia para casa 
um pedacinho do mar.

Cristina